23 de agosto de 2016

Sobre o avanço progressista no ocidente

Ao que tudo indica essa afluência é irreversível, o progressismo é o zeitgeist do mundo ocidental, especialmente na Europa, Canadá, Argentina, Uruguai e caminha a passos largos nos EUA. Parece que este vai ser o tom desta época, a religião ocidental do século 21.

No Brasil, nem tanto. Por aqui ainda é incipiente, apesar de barulhento. Mas a observação comum mostra que tem tido certa aceitação.

Confesso que muitas vezes, no fundo, eu me pego torcendo para que nos países ricos ocidentais, a ideologia progressista avance ainda mais. Assim, nós cristãos brasileiros, africanos e orientais nos gloriaríamos em Cristo, enquanto eles se vangloriariam no humanismo.

Contudo, não posso desejar isso a ninguém, bem sei, nem para os europeus nem para os americanos do norte. Aliás, grande parte da propagação do Evangelho no Brasil e no mundo se deve ao trabalho de alguns países europeus protestantes e principalmente a esforços missionários americanos. Por isso, é lamentável que eles queiram se tornar senhores de si, rejeitando o senhorio de Jesus depois de tantos séculos da história cristã. Que haja arrependimento e que todos nos voltemos para Deus.

Nenhum comentário: